• Atendimento 24 Horas
SANITIZAÇÃO

A sanitização é um serviço onde o técnico aplica o produto em todo o local, do teto ao chão, em todas as mobílias, desta forma desinfectando todos os elementos tocados pelas pessoas.
A sanitização elimina todos os fungos, bactérias, ácaros e vírus do ambiente, principalmente o COVID-19, assim evitando novas contaminações ou proliferação do mesmo.

DEDETIZAÇÃO PREDIAL

A dedetização predial é um serviço que deve ser feito a longo prazo para que haja garantia de segurança para os condôminos e colaboradores do local.
O processo visa a eliminação e controle de insetos comuns como: aranhas, baratas, pulgas, moscas, formigas, traças e escorpiões.
No combate a essas pragas são utilizados equipamentos de uso profissional e específico, e o método de aplicação pode ser feito de duas formas:
Aplicação Líquida: indicada em casos de maior incidência e infestações é muito utilizada no setor industrial e residencial.
- Aplicação de Gel (linha hospitalar): utilizada em escolas, hospitais, clínicas e ambientes alimentícios, não possui cheiro, não necessita a desocupação do local e possui grande eficácia.
Na dedetização predial sempre é emitido com antecedência um comunicado que pode ser impresso, para avisar os condôminos a data e horário que será feito o serviço.

DESINSETIZAÇÃO

O Brasil abriga a maior variedade biológica do planeta. Existem 900 mil espécies de insetos no mundo. Os cientistas descobrem de 7 mil a 10 mil novas por ano. Eles suspeitam que possam existir outras 10 milhões de espécies ainda desconhecidas. Ou seja estamos completamente rodeadas de todos os tipos, cores e tamanhos de insetos e isso faz com que nos prevenimos e protejamos nosso patrimônio, nossos filhos, nossa saúde. Por este motivo as pessoas estão cada vez solicitando e fazendo prevenções e combate a insetos em suas residências e comércios.

Então não deixe que essas pragas indesejáveis entrem no seu dia a dia, previna-se.

Nossa empresa esta aqui para isso, para proteger você e sua família dessas pragas que nos cercam. Veja abaixo nossos métodos de combate a eles.


Pulverização dirigida com pulverizadores manuais:

Esta operação é para as áreas possíveis de serem desocupadas mesmo que por pequenos períodos, os inseticidas são aplicados em pontos que possam servir de abrigo como frestas, fendas, juntas de dilatação, caixas de esgotos, ralos, móveis ou passagem para pragas. Neste processo o inseticida utilizado numa área fica restrito a ela.

Atomização com máquinas motorizadas:

Onde não há restrições em termos de segurança como; caixas de esgoto e gordura, forros, depósitos de produtos não alimentícios e áreas externas.

Aplicação de Gel formulado a base de inseticida:

Esta operação destina-se para áreas sensíveis e difíceis de serem desocupadas, à aplicação será efetuada com o uso de uma pistola dosadora, em locais próximos às fontes de infestação de pragas.

Polvilhamento com pó químico formulado a base de inseticida:

A aplicação de pó inseticida será efetuada nas tomadas, interruptores, conduítes elétricos e telefônicos, motores elétricos e forros. Não ocasionando nenhum risco à rede elétrica.

Armadilha com cola para captura de insetos:

Estas armadilhas são atóxicas, que tem por finalidade de capturar insetos para identificação da espécie da praga e verificar o grau da infestação para adequado tratamento. As áreas serão mapeadas com estações de monitoramento.

LIMPEZA DE BEBEDOURO

Primeiramente, retiramos o equipamento da tomada, depois, preparamos uma solução de 1 colher de sopa de água sanitária para cada 4 litros de água a ser utilizada na limpeza. Umedecemos uma esponja na solução e limpe a parte de dentro e a de fora do bebedouro. Deixamos agir por 5 minutos, e a água que se acumulou dentro do bebedouro irá escorrer pelas torneiras. Em seguida, lavamos o reservatório com água pura, repetindo o processo ao menos 4 vezes. A bandeja do bebedouro deve ser lavada na solução preparada com água sanitária e enxaguada com água corrente.

DESCUPINIZAÇÃO CUPIM

A revoada dos cupins está relacionada com fatores como calor e alta umidade do ar. Por isso, é comum haver revoadas durante a primavera e o verão. Elas ocorrem geralmente no final da tarde e à noite, quando os cupins alados são atraídos por fontes de luz artificial. Assim, é comum, em dias quentes e úmidos, que nossas casas se encham de aleluias, quando o sol se põe e deixamos as luzes acesas.

Cupim de solo

Os cupins de solo são aqueles que estabelecem colônias nos solo, vivendo às custas de madeira enterrada ou de árvores.

A partir do ninho, podem invadir os edifícios, construindo túneis nos seus componentes construtivos, como pisos, paredes, lajes etc, e atacar madeira e outros materiais celulósicos que permanecem em contato com a alvenaria.

Também podem estabelecer o ninho diretamente no interior dos componentes do edifício, sem contato com o solo, onde atacam a madeira lá encontrada e posteriormente estendem o ataque até atingirem os armários embutidos, molduras de portas, rodapés etc.

Cupim de madeira seca

Os cupins de madeira seca se estabelecem diretamente no interior da madeira, não necessitando do contato com o solo ou com umidade, já que estão adaptados para sobreviver do alimento seco, sem fonte suplementar de umidade.

Atacam móveis e componentes do edifício, como forros, lambris etc.

Cupim ataca só madeira

Os cupins que infestam casas e edifícios se alimentam, basicamente, de madeira (além dos cupins, existem as brocas de madeira, que também podem causar estragos nesse tipo de material.), mas não dispensam outros matériais celulósicos, como papel e papelão, tecidos, lã, couro e borracha.

Os cupins de madeira seca, além de madeira, podem causar danos em livros, sapatos, malas, roupas, cobertores,documentos, especialmente quando estes permanecem sem manuseio por longo tempo.

Já os cupins de solo são capazes de perfurar ou produzir estragos em muitos outros materiais que estejam entre a colônia e seu alimento principal que é a madeira. Assim, atacam pisos, paredes, lajes impermeabilizadas e podem até desgastar o concreto, aproveitando-se das fissuras e falhas já existentes entre o concreto e os demais componentes do edifício, como os conduítes e dutos hidráulicos.

LIMPEZA DE RESERVATÓRIO

O serviço de impermeabilização de caixas de água é fundamental para garantir saúde e bem estar nos condomínios, escolas, comércios, residências e indústrias.
A De Markus Imunizações executa estes serviços através de um minucioso processo que envolve a melhor tecnologia aliada a equipes qualificada e treinada para atuar de forma a causar o menor impacto possível na rotina de nossos clientes.

Veja como podemos lhe ajudar:
- Impermeabilização de caixas de água, reservatórios e cisternas com argamassa polimérica e termoplástica.
- Restauração de caixas de água de alvenarias em geral.
- Impermeabilizar não é só aplicar produtos químicos, visa obter 100% de estanqueidade.
Caso necessite de LIMPEZA DE CAIXAS DE ÁGUA, também temos esse serviço, conheça-o

DESRATIZAÇÃO

Existem mais de 1.700 espécies de ratos distribuídas pelo mundo. As três espécies de ratos (diga-se: pragas) que convivem com os humanos são: o camundongo, o rato de telhado e a ratazana.
Camundongos são normalmente encontrados dentro das residências (em armários de cozinha, por exemplo); ratazanas em esgotos e buracos no solo; e ratos de telhado no lugar que lhes dá nome. Ao contrário do que se pensa ratos não gostam muito de queijo e preferem alimentos com grande concentração de açúcar.
Os ratos transmitem cerca de 55 doenças aos seres humanos. Uma das mais perigosas é a leptospirose é uma das que mais fez vítimas fatais ao longo da história, é transmitida pela urina do rato, provocam dores, febre alta e forte hemorragia, que pode levar até a morte e outra doença fatal transmitida pelos ratos é a hantavirose, moléstia cujas características são síndromes pulmonares e renais, além de grave febre hemorrágica.

MORCEGOS

O morcego é o único mamífero que tem a capacidade de voar. O animal possui hábitos noturnos; durante o dia, passa o tempo pendurado de cabeça para baixo em alguma caverna, ponte ou outro lugar escuro. O principal motivo pelo qual os morcegos ficam nessa posição é que, desta forma, se encontram em uma posição ideal para alçar vôo. Os morcegos não conseguem se lançar no ar como as aves; o animal necessita se lançar de um lugar alto para poder voar. Por isso, eles usam suas garras para subir nos tetos das cavernas, por exemplo, porque caso necessite sair voando, ele já está na posição ideal.

Os morcegos devem ser controlados, para que se evite a disseminação de doenças. Geralmente os abrigos onde se escondem são locais frescos e escuros locais, como telhados, churrasqueiras, edifícios, árvores etc. Trazem muitos transtornos, pois com suas fezes que misturadas à urina, exalam um forte odor de amônia, fazem barulhos e podem transmitir doenças. A entrada de morcegos em residências é muito comum e acontece por vários motivos:
- Busca de alimento
- Busca de água
- Filhotes aprendendo a voar
- Morcegos doentes
- Busca de abrigo
Isso, no entanto pode ser evitado se forem adotados os métodos corretos com a expurgação desses animais.

Com o fechamento com telas, passarinheiras, espuma expansiva, onde nossos profissionais especializados nesse tipo de trabalho, executam, expurgando os morcegos do local onde eles estiverem, e impedindo a volta deles com essas técnicas, onde será avaliado qual será a mais eficiente. Dessa forma garantindo a você nosso cliente, toda tranqüilidade de estar longe desses animais indesejáveis, que acabam preocupando muita gente que convive com eles.